sábado, 6 de maio de 2017

Língua do Estado em estado não recomendável

O Primeiro-Ministro não melhora; nem parece que tenha cura.
«[…] muito do que então foi antevisto tem tado a ter concretizações efectivas.»

Repito-me: o pior é que podem estar crianças por perto.